Dia do Médico: Lucas de Brito valoriza atuação dos profissionais e defende revisão da tabela SUS

18/10/18

No dia em que se comemora a profissão de médico, o vereador Lucas de Brito (PV) destacou que é preciso a adoção de medidas que possam valorizar a categoria em todo território nacional. Durante a sessão da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), nesta quinta-feira (18), o parlamentar defendeu a revisão dos valores repassados aos médicos pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

“É preciso fazer a correção dos preços da tabela SUS, que está defasada há mais de 20 anos e o Governo Federal finge que não está. Isso contribui para a depreciação da atividade médica”, lamentou Lucas. O vereador lembrou que o direito à saúde é garantido pela Constituição Federal, mas não tem sido assegurado aos cidadãos.

Uma sugestão dada pelo parlamentar foi a implantação do ‘SUS Consulta’, um projeto que permitiria aos usuários escolher o médico de sua preferência para realizar o atendimento, sendo este custeada pelo Sistema Único de Saúde. “Isso também permitiria aos médicos recém-formados mais disponibilidade de pacientes numa fase inicial da profissão”, avaliou.

Atualmente, no Brasil, são 17,6 médicos para cada 10 mil brasileiros, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS). A proporção é bem menor que na Europa, por exemplo, cuja taxa é de 33,3 médicos para o mesmo número de habitantes. Também há precariedade das condições de trabalho e muitas queixas por parte da população.

Lucas de Brito reconheceu que o atual modo de funcionamento do SUS favorece as longas filas de espera para o atendimento em diversas especialidades, muitas vezes, agravando o estado de saúde dos pacientes. Do mesmo modo, quem utiliza o Sistema Único de Saúde normalmente não tem condições financeiras de buscar auxílio médico particular e, com o SUS Consulta, poderia receber o atendimento em clínicas e consultórios privados.

Assessoria